"Distúrbios de sono têm aumentado durante esta pandemia. As mulheres são as mais afetadas"

O confinamento e a pandemia, no geral, trazem mais ansiedade e tristeza aos portugueses, o que faz com que mais pessoas se queixem de problemas de sono. Tiago Sá, pneumologista, não tem dúvidas: "Quem dorme pouco, morre mais."
Cenas de um novo confinamento

Cenas de um novo confinamento

Desde a Cultura aos restaurantes, passando pelos problemas de ansiedade e no relacionamento. Falamos de tudo neste novo confinamento.

Episódios

Reparámos que tem um Ad Blocker ativo.

A informação tem valor. Considere apoiar este projeto desligando o seu Ad Blocker.

Pode também apoiar-nos seguindo-nos nas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter.