Com o verão cada vez mais perto as dietas começam a ser mais comuns para nos livrarmos de alguns quilos indesejados, no entanto, há alguns erros que nos impedem de atingir os resultados que pretendemos.

Segundo o nutricionista Mar Lázaro, numa entrevista à Hola!, estes são alguns dos erros mais comuns:

Horários

Comer em horários irregulares, ou saltar refeições é sempre um erro porque desregula o nosso organismo e o metabolismo, dificultando o emagrecimento.

Comer só fruta ao jantar

Comer apenas fruta ao jantar não é uma boa solução até porque esta contém açúcar e carboidratos que são mais difíceis de queimar, especialmente consumidos ao jantar porque logo a seguir não temos oportunidade de queimar calorias, porque vamos para o sofá ou cama. Logo, é melhor comermos fruta de manhã.

Comer muito pouco

Na opinião do nutricionista comer muito pouco diminui o metabolismo basal, ou seja, é um erro comer apenas um prato e ser só vegetais, por exemplo. É importante comer proteína como o peixe, carne branca ou ovos para que acompanhado com a quantidade de exercícios que fazemos comamos a quantidade de alimentos necessária para garantir que a massa muscular não diminua.

Snacks

Comer várias vezes ao dia ajuda a perder peso, no entanto, temos de escolher bem o que comemos. É muito comum exagerar nos petiscos mais calóricos como nozes ou batata frita mas uma boa opção é por exemplo húmus com cenoura, mozarela, pickles e tomates cherry.

Não comer pão

Por muito estranho que pareça podemos continuar a comer pão, mas moderadamente e preferivelmente ao pequeno almoço ou almoço, para que consigamos queimar as calorias ao longo do dia. Além disso devemos optar por pão de trigo integral.

Ignorar a dieta “só por um dia”

Parece que não há problema nenhum em saltar um dia de dieta e cair na tentação de algum alimento. No entanto, um dia é o suficiente para desmoronar todo um processo. Saltar um dia só retarda a perda de peso e pode gerar frustração.

Pensar que exercício corrige asneiras alimentares

Já todos pensámos “como vou fazer exercício, não faz mal comer”, mas esta é uma ideia errada porque segundo a opinião de outro especialista, o médico Leo Cerrud, “60% da perda de peso é fornecida por dieta, não exercícios”.

Siga-nos na sua rede favorita.