Mesmo com as 8 horas de sono não consegue ter energia de manhã? Aqui estão soluções aprovadas por especialistas e sem recurso ao café.

Acordar sem energia já é um problema antigo, no entanto, o confinamento devido à covid-19, veio evidenciar este problema porque este pode ter alterado o nosso relógio biológico.

Evitar o botão “adiar” – Este botão é um inimigo de manhã, mesmo que não pareça. Os “só mais cinco minutos” podem ser fatais de manhã, porque dormir mais um pouco pode resultar em acordar mais cansado quando soar o segundo alarme. O melhor para evitar a tentação, é ter o alarme fora de alcance, que nos obrigue a levantar da cama para o desligar.

Beber água – Começar o dia por beber água dá ao corpo a hidratação que necessita para começar o dia e evita desidratação que também causa fadiga. Beber água estimula os órgãos e sistemas no corpo e pode encorajar um estado mais acordado.

Alongamentos – Alongar um pouco o corpo aquece os músculos e promove circulação, que ajuda a acordar e deixa-nos a sentir melhor. Cinco minutos de alongamentos ou yoga são boas opções.

Exercícios curtos e simples – Pode parecer aborrecido fazê-lo de manhã, mas exercício matinal é uma ótima maneira de acordar porque estimula o corpo, ajuda com a circulação sanguínea e faz com que uma pessoa fique mais alerta. O exercício pode ser simples, como um passeio rápido ou dançar um pouco.

Exercícios de respiração – Estes podem ser úteis porque também estimulam o corpo. Através de exercícios de respiração longa e profunda, o oxigénio começa a circular no corpo e consegue acordar-nos.

Banho com água fria – Um banho com água fresca logo pela manhã, tem grandes possibilidades de nos acordar e revigorar. Estudos confirmam que a água fria provoca a dilatação dos vasos sanguíneos mais profundos dos tecidos, o que aumenta o ritmo cardíaco, o fluxo sanguíneo e a circulação – que se traduz em mais energia.

Um pequeno-almoço leve – Embora seja a refeição mais importante do dia, comer em demasia pode criar preguiça e dificultar o curso do dia. Não é necessário ser um banquete, apenas temos de ingerir alimentos que promovam energia.

Evitar estimulantes – Apesar da cafeína poder ajudar de manhã, muitas pessoas acabam por ter um impulso de energia nas primeiras horas, e pouco depois os níveis baixarem significativamente. A cafeína pode também afetar o sono, que resulta num ciclo vicioso de cansaço.

Apanhar sol – Não é preciso estender a toalha e meter protetor, mas uma pequena exposição ao sol de manhã pode ser o que precisamos para estimular o cérebro a ficar mais energético.

Siga-nos na sua rede favorita.