Continuam as críticas aos duques de Sussex no Reino Unido pelo facto de terem colocado a alcunha da rainha Isabel II como nome da filha. Vários críticos reais acusam o casal de oportunismo e cinismo, sobretudo depois da entrevista bombástica a Oprah Winfrey, em que fizeram várias acusações graves à família real.

Ontem, um elemento sénior do Palácio de Buckingham garantiu à BBC que a rainha não teria sido consultada antes. O palácio e o casal deram assim informações contraditórias, com um amigo dos duques de Sussex a negar horas depois esta informação, dizendo até que a rainha foi a primeira pessoa a quem Harry ligou depois do nascimento da filha.

Lilibet Diana nasceu na passada sexta-feira, mas o anúncio do seu nascimento foi dado apenas do domingo. Segundo a imprensa britânica, os assessores do palácio terão sido apanhados de surpresa com a boa nova, tanto que as reações oficiais surgiram apenas algumas horas depois.

 

Siga-nos na sua rede favorita.